Quem sou eu

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Fotolivros de 2012

Resolvi parar um pouquinho na correria de hoje, para aparecer aqui.
Aliás, esta é uma das minhas resoluções deste ano de 2013: postar mais! Tenho tantas histórias para contar, que vocês nem imaginam.
Mas enfim, hoje eu estou organizando os materiais, para entregar tudo na próxima segunda-feira.
A ansiedade é grande: Não vejo a hora de entregar e ver a reação dos pais! E os pequenos, então? Sei que alguns costumam andar com seus fotolivros por todo o canto, querendo mostrar aos outros sua escola, seus amigos, enfim, sua vida!
Então é isso. Mesmo já estando no final de Janeiro, aproveito para desejar um 2013 maravilhoso para todos! Que seja um ano cheio de alegrias, conquistas e boas emoções!
E pra não perder o costume, deixo vocês com algumas fotos de 2012.
Um beijo!

quinta-feira, 1 de março de 2012



Nos últimos dias tenho revirado meus arquivos (que não são pequenos...) para selecionar o que deve permanecer, e o que posso me desfazer. É um execício e tanto! Rever cada rostinho que já fez parte do meu dia-a-dia, cada expressão que pude captar, cada nova conquista... Fica muito difícil não me emocionar de novo cada vez que revisito estas memórias.

Mesmo por que, antes de ser fotógrafa, eu sou mãe. E entrei para a fotografia, pela vontade de registrar os momentos que muitos pais não podem acompanhar na vida de seus filhos.
O que não imaginava, é que me apegaria tanto a cada uma destas crianças, que choraria no dia de suas formaturas (sim, sim eu choro... Mas me escondo atrás da câmera!) E que sentiria muitas saudades delas.
Selecionei rapidamente algumas destas fotos para vocês entenderem do que estou falando. Tem como não se emocionar?


















segunda-feira, 4 de julho de 2011

Chegada da Olívia

Demorei demais para postar, mas finalmente consegui um tempinho.
E adivinhem? No dia seguinte ao meu último post, eis que chegou ao mundo a nossa amada Olívia.
Logo que fiquei sabendo, corri para o hospital. Cheguei sem câmera, meio atordoada, doida pra conhecer a nossa "pincesa".
Não conseguia esperar nem mais um minuto pra conhecê-la. E olha, a espera valeu a pena. Ela é encantadora. Num primeiro instante, achei a cara da Mãe. Uma mini Fer, como dizíamos. Delicada e tranquila.
Logo em seguida, com a ajuda do maridão, eu confesso, minha câmera foi ao meu encontro. Pude então fazer as primeiras fotos desta nova família.
Então, com muita emoção, apresento a vocês, a pequena Olívia.
Apreciem!















quarta-feira, 27 de abril de 2011

Enquanto a Olívia não chega...


Nunca senti tanto frio na barriga antes de um trabalho, como no dia que fui fotografar a Fer. Aliás, não sei se já comentei, mas SEMPRE sinto um friozinho na barriga, e acho que isso que atrai tanto neste trabalho: o desafio! E desta vez, o desafio foi imenso. Eu explico: a Fernanda foi minha dupla quando eu produzia comerciais de TV. Juntas trabalhamos muitas madrugadas, e dias intermináveis, resolvendo os problemas mais escabrosos já existentes. E tudo dava certo. E sabe o que deu ainda mais certo? Nossa amizade. Já são mais de 12 anos de uma deliciosa amizade. Daquelas que mesmo quando passamos meses sem nos falar, retomamos com a mesma intensidade e cumplicidade de antes.

Nossa intenção até era engravidar meio que na mesma época, mas confesso: eu deixei passar (quem sabe no ano que vem? hahahahaha) De qualquer forma, o dia que ela me disse: "Você vai ser Tia!" eu me emocionei muito!

Também me surpreendi quando ela me pediu para registrar este momento. Até porque ela é do tipo que prefere ficar atrás das câmeras. Depois me bateu uma insegurança enorme. A Fernanda tem um super bom gosto e entende muito de fotografia e desgin. Tanto que hoje ela é editora numa produtora de videos. Além de ser casada com um rapaz que é diretor de arte numa grande agência daqui de Curitiba. Enfim, eu tremia demais! Muita responsabilildade!

Decidimos que suas fotos não poderiam ser em estúdio. Precisava ser num espaço que fosse a cara dela. Ela logo lembrou deste lugar, a Villa Mariantonio, das amigas Andréa e Daniela. O lugar é perfeito! Tudo muito bacana e com o clima que precisávamos para deixar a Fer bem a vontade.

O resultado esta aí.

Felizmente ela (e o marido!) curtiram muito o meu trabalho.

E eu pude então respirar aliviada.

Agora é só esperar a Olívia chegar...

Muito obrigada, Fer!










terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Festas!

E quem não gosta de festa? Bolo, brigadeiro, brincadeiras e todos os amigos reunidos! Não tem como não curtir! E nestes momentos, a presença da Oficina do Retrato é indispensável. Assim, você fica livre para curtir a festa com seu filho e aproveitar cada segundo desta data tão especial.
Enquanto você aproveita a festa, nós registramos tudo para que depois você possa recordar cada detalhe.
Aproveite e veja alguns cliques das últimas festas.